Primeira parcela do décimo terceiro, como organizar suas contas para um fim de ano mais calmo

Larissa Carvalho

| 5 minutos para ler

mulher sorrindo e levando as mãos ao rosto sentada de frente para um laptop

Resumo da matéria

  • Comece pelas dívidas
  • Prepare-se para as contas que chegarão em 2021
  • Gaste com você a primeira parcela do décimo terceiro
  • Crie uma reserva de emergência
  • Faça a primeira parcela do décimo terceiro render
  • Separe parte do seu dinheiro para festas e viagens
  • Use a primeira parcela do décimo terceiro com consciência

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

O Bom Pra Crédito selecionou as principais dicas para você usar essa gratificação com inteligência

Faltam 3 meses para 2020 terminar e muita gente já está sonhando com a primeira parcela do décimo terceiro. Você já sabe o que vai fazer com o dinheiro dessa bonificação?

Antes de sair gastando tudo por aí, é melhor se planejar para não ter dor de cabeça. Afinal, depois de um ano cheio de surpresas, ansiedade e um misto de emoções, ter tranquilidade financeira é fundamental.

Comece pelas dívidas

Aproveite a primeira parcela do décimo terceiro para sair do vermelho. Anote todas as suas dívidas e priorize aquelas que cobram mais juros, como cheque especial, cartão de crédito, entre outras.

Antes de pagar, é sempre bom pedir desconto para o gerente do banco. Se for necessário, proponha parcelamento com taxas menores e use a primeira parcela do décimo terceiro para dar de entrada.

Outra opção é usar o dinheiro para abater parcelas de empréstimos e financiamentos. O melhor de tudo é que os juros e algumas taxas são abatidos e você ganha um bom desconto.

Prepare-se para as contas que chegarão em 2021

Se você tem despesas com IPVA, IPTU, matrícula e material escolar, é bom pensar em guardar dinheiro para esses gastos. Eles chegam de uma vez no começo do ano e, se você não estiver preparado, correrá o risco de entrar no vermelho.

Faça uma cotação de preços para você ter mais ou menos uma ideia de quanto vai precisar.

Se for possível, pague o IPTU e o IPVA de uma vez só. Assim, você não fica inadimplente e não precisa se preocupar com essas contas nos meses seguintes.

imagem ampliada de mão aberta em frente a um fundo cinza com moedas com cifrão desenhados caindo sobre ela

Leia também: Como calcular o décimo terceiro, aprenda agora com essas dicas

Gaste com você a primeira parcela do décimo terceiro

Sabe aquele curso que você sonha em fazer? Use a primeira parcela do décimo terceiro para investir nele. Gastar com educação e aprimoramento pessoal e profissional vale muito a pena.

Não se esqueça de incluir a nova formação no currículo. Quem sabe você não consegue uma promoção ou recebe uma proposta de emprego com salário melhor?

Se você já está satisfeito com sua formação, pode usar o dinheiro para outras realizações.

Tome cuidado com gastos com coisas supérfluas. Aquele celular de última geração é realmente necessário? É preciso mesmo comprar roupas novas no final do ano? O importante é planejar antes de tomar qualquer atitude.

Crie uma reserva de emergência

Quem não tem dívidas ou despesas como a gente mencionou nos tópicos anteriores também pode usar a primeira parcela do décimo terceiro com inteligência. Use o dinheiro para criar uma reserva de emergência.

O ideal é que ela seja composta de um valor entre 6 e 12 vezes maior do que as duas despesas mensais.

Se você gasta 1500 reais por mês, por exemplo, deve criar uma reserva de emergência entre 9 mil e 18 mil reais.

Esses valores podem assustar um pouco, mas não é difícil juntar. Uma reserva de 9 mil reais pode ser criada em um ano, com 750 reais por mês. Ainda é muito difícil guardar esse valor? Divida o total por 24 meses ou até mais.

O mais importante é dar o primeiro passo. Quando você menos esperar, estará com sua reserva formada.

Mas, atenção: reserva de emergência foi feita para imprevistos. Nada de usar o dinheiro para gastar com carro novo, viagens, entre outros.

Faça a primeira parcela do décimo terceiro render

Ao criar uma reserva de emergência, você antecipa e resolve problemas. Mas isso não é o bastante. É preciso se preparar para o futuro. Use parte da primeira parcela do décimo terceiro em investimentos.

Isso garante um rendimento extra que está fora do orçamento de todo mensal. O dinheiro investido trará bons rendimentos e ajudará na construção de um patrimônio dentro do prazo que você determinar.

O segredo para uma vida financeira estável é pagar as dívidas, organizar as contas e investir e multiplicar.

Vale lembrar que tudo isso é possível de se fazer ao mesmo tempo e com pouco dinheiro. Basta conhecer onde investir o dinheiro. Confira as dicas:

  • Reserva de emergência: Os melhores investimentos para reserva de emergência são o Tesouro Selic e os fundos de renda fixa com liquidez, como o CDB. Nos dois casos, o dinheiro poderá ser resgatado a qualquer momento.
  • Debêntures: Esses títulos são ideais para investimentos de renda fixa de médio e longo prazos. Geralmente, eles são emitidos empresas privadas, com a exceção de bancos (que emitem títulos semelhantes, mas que têm o nome de CDBs).
  • Fundos de Investimentos: Nessas aplicações financeiras, os investidores agrupam seus recursos e aplicam dinheiro em fundos imobiliários, ações e multimercados. Ao investir nesses títulos, você se torna uma espécie de sócio da empresa.

Com um planejamento bem feito, é possível usar a primeira parcela do décimo terceiro para investir em mais de um título. Para você ter uma ideia, com 30 reais já é possível investir no Tesouro Direto.

Mesmo investindo pouco, é possível fazer o dinheiro trabalhar sem abrir mão do lazer, das dívidas e das despesas básicas do dia a dia.

homem de terno segurando pequenas barras de madeira caindo em direção à pilhas de moeda em ordem crescente

Veja mais: Férias remuneradas… ou você toma cuidado ou elas te engolem

Separe parte do seu dinheiro para festas e viagens

Todos os itens dos tópicos anteriores estão em dia? Então você pode aproveitar a folga no orçamento para comprar presentes para amigos e familiares. Mas isso não é sinônimo de esbanjamento, ok?

Evite coisas caras e faça as compras com antecedência. No final do ano, os preços sobem consideravelmente. Então, se possível, compre tudo o que precisa com antecedência, inclusive os ingredientes para a ceia de Natal.

Esse não é o momento mais apropriado para viajar por conta do coronavírus.

Mas, se mesmo assim você quiser aproveitar as férias em um lugar diferente, procure pacotes com desconto e não se esqueça de todos os protocolos de segurança.

Use a primeira parcela do décimo terceiro com consciência

Que tal usar parte do dinheiro da primeira parcela do décimo terceiro para ajudar uma família, ONG ou apoiar uma causa nesse final de ano? 4

Fazer boas ações nesse momento delicado fará toda diferença na vida de muitas pessoas e, principalmente, na sua.

Gostou das dicas? Se não der para seguir todas elas, tudo bem! Nada te impede de colocá-las em prática no próximo ano.

Aproveite esse conteúdo para mudar seus pensamentos e hábitos e estudar sobre educação financeira.

O Bom Pra Crédito compartilha aqui no blog um monte de informações importantes para quem quer sair do vermelho e controlar melhor a vida financeira. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *