Pontuação do Score: como isso pode te ajudar a conseguir crédito?

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

um tablet mostrando gráficos

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

Como o score é calculado e por que ele é tão importante no mercado de crédito atual.

Muita gente conhece o conceito de nome negativado (o famoso “nome sujo”), que é quando ele entra para a lista de devedores e perde novo acesso a crédito. Mas o termo Score ainda não é tão popularizado. Você já ouviu falar sobre isso?

O Score é uma pontuação, mas para avaliar os seus hábitos de pagamento e relacionamento com o mercado de crédito.

No próprio Bom Pra Crédito você tem a possibilidade de checar qual é a pontuação do seu score e analisar as suas chances de conseguir um empréstimo. 

Como funciona o Score?

O Score é uma pontuação, de 0 a 1000, que pode ser consultada e usada por instituições financeiras na hora de liberar qualquer tipo de crédito, seja um limite no cartão de crédito, a contratação de um empréstimo pessoal, taxa de juros, financiamento e mais. 

O Score é dividido em três grupos que classificam o risco de inadimplência do consumidor, veja:

  • Até 300 pontos: poucas chances de conseguir crédito, já que o risco de não pagamento é alto
  • Entre 300 e 700: aqui o seu risco é médio, as instituições podem conceder crédito, mas com restrições;
  • Acima de 700: sua chance de conseguir crédito é bem alta, você é um ótimo pagador e as instituições vão confiar mais em você..

De onde vem esse Score?

A pontuação é dinâmica. O que isso quer dizer? Que é atualizada constantemente e pode alterar em um curto espaço de tempo, já que ela é feita de acordo com as movimentações do seu CPF.

No caso do Score que você encontra no Bom Pra Crédito, são consideradas suas informações cadastrais e sua conta bancária conectada à plataforma. 

Isso é bom porque é uma informação a mais para te ajudar a ter uma boa avaliação.

Em geral, o Score também é calculado por órgãos de proteção ao crédito, como SPC (Serviço de Proteção ao crédito) e Serasa, mas de maneiras diferentes. 

Isso pode alterar como a sua reputação financeira vai ser analisada pelas instituições.

A diferença básica entre as duas contas de score é que o banco do Serasa é um pouco maior, com informações globais. Bora entender essas particularidades:

Saiba mais: Entenda o Score Serasa e 5 Dicas Para Aumentar o Sua Pontuação

Serasa Experian

A Serasa Experian (1968) é uma empresa que analisa informações para decisões de crédito e apoio a negócios.

Atua por meio de acordos com empresas de informações de todos os continentes.

Na hora de calcular seu score, atua independente do Boa Vista e considera: 

  • dados cadastrais como idade, dados negativos, consultas realizadas no seu CPF na Serasa Experian e dados positivos conforme a lei.

Boa Vista

Com uma base de dados de mais de 60 anos, o Boa Vista tem uma quantidade gigante de informações. Para calcular o seu score, considera três fatores:  

  • o seu comportamento de pagamentos, a sua procura por crédito no mercado e as suas informações cadastrais. 

É importante salientar que essas pontuações variam muito porque as dívidas também caducam.

um tablet e papéis sobre uma mesa mostrando diversos gráficos.

Sabe aquela história de que após 5 anos o seu nome precisa ser retirado dos cadastros de inadimplentes? Isso é uma verdade.

Não significa que sua dívida acabou, e que você não precisa mais pagar, a única diferença é que a empresa que você deve não pode mais acioná-lo judicialmente para o pagamento dessa conta.

Mas, pode continuar solicitando a você o pagamento da mesma de outras formas.

Mas, como as dívidas prescrevem a cada cinco anos, é provável que após esse período, uma dívida que baixava o seu score passe a não valer mais nessa conta, o que pode melhorar o cálculo do seu score. 

Leia também: Score Baixo: O que é, O que Significa e Como Resolver

Como o Cadastro Positivo influencia o Score?

O Cadastro Positivo funciona como um histórico do seu comportamento de crédito, tem informações de como você paga suas contas (energia, parcelas de financiamento, telefone, água, luz). Muitos o comparam a um currículo financeiro. 

Antes era preciso se cadastrar para fazer parte do Cadastro Positivo, mas uma Lei Complementar de 2019 fez com que todos os brasileiros entrassem automaticamente.

Mas, quem quiser retirar suas informações pode se dirigir a um birô de crédito, como o Serasa e solicitar sua retirada. 

Mas isso não é recomendado, o Cadastro Positivo é mais uma forma das empresas de proteção ao crédito obterem informações sobre você e isso pode ajudar muito na sua pontuação. 

Como aumentar minha pontuação?

Como já falamos antes, a sua meta é estar o mais próximo possível de 1000, poucos brasileiros conseguem ter uma pontuação entre 800 e 1000, mas se a sua situação não for essa, dá para correr atrás para melhorar o seu score. Como? 

  1. Evite dívidas, mantendo seu nome fora de cadastros para nomes negativados o seu score vai aumentando gradativamente; 
  2. Mantenha seus dados sempre atualizados, quanto mais informações sobre você estiverem disponíveis, mais base para considerá-lo um bom pagador;
  3. Pague suas contas em dia, até antecipadas. Um dia só de atraso faz diferença, então considere incluir algumas delas no débito automático para evitar surpresas;  Evite dívidas, mantendo seu nome fora de cadastros para nomes negativados o seu score vai aumentando gradativamente; 
  4. Se organize financeiramente, em casos como o score do Bom Pra Crédito em que a sua conta bancária pode ser analisada, faz toda a diferença não estar no vermelho.

Com isso, além de aumentar a pontuação do seu score, você pode ter mais crédito na praça. Isso vai ajudar, e muito, né? 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *