Organização financeira: vamos começar com esses passos

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

pessoa segurando um cofre em formato de porco rosa em uma mesa azul rodeada de moedas de um real

Continua depois da publicidade

Descubra como sair do vermelho e manter o controle da vida financeira

Organização financeira não é o forte do brasileiro e os sintomas disso são os dados, frequentemente altos, sobre endividamento no país. O ano de 2020 surpreendeu ainda mais e fechou com com o número de endividados chegando ao maior patamar em 11 anos.

Segundo a CNC, Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, o Brasil chegou a janeiro de 2021 com 66,5% de famílias endividadas. Os dados mostram um aumento de 1,2% em relação a janeiro do ano anterior.

Se você faz parte desta realidade, é hora de saber como fugir dessa estatística. Por isso, nós do Bom Pra Crédito trouxemos dicas do que fazer para sair do vermelho e retomar sua organização financeira

Importância do controle e planejamento financeiro

A crise financeira pode pegar muita gente de surpresa. O problema é que a falta de planejamento é um passo para o cheque especial ou o uso sem controle do cartão de crédito.

Resultado? As dívidas aumentam e as condições de pagamento só pioram. Ainda que nenhuma dessas opções sejam vilãs da organização financeira, sem controle,  elas também não ajudam na solução. 

É urgente saber cuidar da vida financeira para não entrar em uma bola de neve de dívidas não pagas. Por isso nós queremos saber: como está a sua vida financeira? Controlar o dinheiro e saber lidar com as finanças pessoais tem sido difícil para você?

Então presta atenção na dica que vamos te dar a seguir!

casal preocupado com as contas apoiados em uma mesa com papéis, um computador e uma jarra de café

Para aprender mais: Como economizar dinheiro, não caia nas armadilhas que te levam a comprar mais

Ferramentas que podem ajudar com a organização financeira

Sabia que existem algumas ferramentas que podem te ajudar no planejamento financeiro? Pois é! São apps para celular e planilhas organizacionais para te tirar do vermelho. Separamos as três melhores opções para te ajudar a se organizar financeiramente.

Minhas Economias

É um aplicativo gratuito disponível para Android, iOS e também para uso pelo computador. Ele permite que você insira gastos e ganhos, crie categorias de transações e analise elas por gráficos e relatórios.

Nele você também pode definir objetivos financeiros e estruturar um planejamento para conseguir alcançar as suas metas.

Mobills

Com esse aplicativo de gerenciamento de cartões de crédito,  você consegue acompanhar o limite e as  transações feitas. Nele, também dá pra controlar ganhos e gastos, além de planejar orçamentos.

O Mobilis tem a versão gratuita, que não deixa a desejar. A versão  paga oferece muitas outras opções de controle financeiro. Está disponível para Android, iOS e uso na web.

Google Planilhas

O Google também te dá boas soluções para  organização financeira. Diferente das outras opções, não é aplicativo. Essa versão possui modelos prontos de planilhas, disponibilizadas para controlar ganhos e gastos.

Elas fazem automaticamente as contas do usuário e geram um balanço do orçamento. Não é incrível? Basta acessar sua conta Google e aproveitar.

Além disso, nos últimos tempos surgiram também vários profissionais que ensinam sobre educação financeira e como lidar com o dinheiro. Entre todos eles te indicamos conhecer Nath Finanças, a mais nova educadora financeira que ensina de um jeito simples e fácil.

8 dicas de como retomar a organização financeira

Para não ter erro, te damos as 9 melhores dicas de como organizar a sua vida financeira e fazer o seu dinheiro render. Seguindo elas direitinho, você vai conseguir pagar suas contas e talvez ainda sobre um dinheirinho no fim do mês para investir. Vamos lá?

1 Anote seus ganhos e gastos

Use uma das ferramentas que te indicamos para te ajudar a não gastar mais do que ganha. Anotando tudo, você vai saber para onde exatamente o seu dinheiro está indo. Então no final do mês, analise os dados e veja onde pode melhorar e qual consumo pode cortar.

É importante sempre gastar menos do que se ganha, para não se endividar.

2 Planeje seus gastos

Depois de anotar eles e cortar os gastos que são desnecessários, é importante que você planeje cada centavo que entre no seu orçamento. Isso vai te garantir uma rotina financeira, o que vai te dar controle sobre o seu dinheiro. 

3 Faça um fundo emergencial

Quando tiver quitado todas as suas dívidas, faça um fundo emergencial. Estabeleça quanto você precisa para pagar suas contas fixas por mês e multiplique esse valor por 6 ou 12. Essa quantia deve ser guardada em carteiras de investimentos para futuras emergências.

4 Trace objetivos e metas

Quer fazer uma universidade, comprar um carro ou uma casa? Coloque isso como objetivo, defina quanto você precisa e não pare até que você tenha o valor.

5 Pague suas contas em dia

Um dos passos mais importantes para a organização financeira é pagar as contas em dia. Isso vai garantir que você fique longe de juros e multas de atraso. Ah! E se der para pagar adiantado com desconto, melhor ainda. Não é o máximo?

6 Invista em educação financeira

Invista tempo em educação financeira. Esse é um assunto que sempre vai ter o que se aprender e quanto mais você souber, melhor. Existem muitos conteúdos gratuitos que podem te ajudar com isso aqui no nosso blog, fique sempre de olho!

7 Repense gastos

Não tenha medo de fazer cortes. Pense sempre se aquele gasto que leva boa parte do seu orçamento é importante. Cancele assinaturas e reduza as compras daquilo que você quase não usa.

8 Invista seu dinheiro

Quando tiver seguido todos os passos anteriores, invista seu dinheiro. Mas faça isso com segurança e, claro, planejamento. Assim, você vai conseguir multiplicar seu dinheiro e realizar sonhos com os rendimentos. 

imagem ampliada de uma mulher sentada a uma mesa preenchendo uma planilha com a ajuda de uma calculadora e de um laptop

Achou pouco? Nós ainda temos mais 15 dicas de orientação financeira para você controlar os seus gastos.

E se mesmo assim precisar pedir empréstimo?

Pode ser  que, durante o processo de organização financeira, você precise fazer um empréstimo para quitar suas dívidas. Mas calma! Essa é uma boa possibilidade e dá para fazer com toda a segurança necessária.

Basta que você planeje muito bem e confie em quem sabe tudo sobre finanças pessoais, o Bom Pra Crédito. Então acesse nosso site para saber qual o melhor empréstimo para suprir suas necessidades com valores, parcelas e taxas que cabem no seu bolso.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *