O que é margem consignável de um empréstimo

Larissa Carvalho

| 2 minutos para ler

Continua depois da publicidade

Uma das dúvidas mais comuns que surgem na hora de contratar um empréstimo consignado é sobre a Margem Consignável.

Aqui vamos esclarecer o que é a margem consignável e porque ela ajuda você a planejar seu orçamento financeiro e evitar o endividamento na quando contratar crédito.

Confira neste post!

O que é margem consignável

Margem Consignável é o valor máximo da renda de um trabalhador, aposentado, pensionista ou servidor público que pode ser comprometido em um empréstimo consignado, no qual o valor do empréstimo é descontado diretamente da folha de pagamento, contracheque ou conta de benefício INSS.

A Lei 10.820, de 17/12/2003, disciplina a concessão dos empréstimos consignados e estabelece o valor teto para que exista um limite de concessão, de modo que o tomador, mesmo contraindo um empréstimo, possa manter recursos para seus gastos básicos e tome decisões mais assertivas e seguras sobre suas finanças.

Como calcular a margem livre para um empréstimo?

Mesmo não havendo a necessidade de informar sobre a margem consignável de empréstimo ao banco, é preciso entender seu funcionamento e de que modo isso afetará a contratação do crédito. Veja este exemplo de como calcular  a margem consignável livre.

Supondo que o cliente ganhe em média R$ 1.000,00 por mês e que vá realizar um crédito consignado, ele poderá comprometer até 30% da renda mensal do seu benefício ou salário, pois, de acordo com a lei, não é possível utilizar mais do que esta porcentagem para valor de parcela de empréstimo. Assim, sua margem será de R$ 300,00.

Mas, e se já houver um empréstimo, o beneficiário poderá liberar um novo? Depende do quanto está sendo utilizado da margem consignável.

Por exemplo, se ela for de R$300,00 e, houve uma parcela de R$ 150,00, apenas poderá realizar um empréstimo com parcela de no máximo R$ 150,00 mês, ou seja, o restante de saldo da margem.

Dicas para não se endividar com o empréstimo consignado

  1. Antes de contratar o crédito consignado, faça um planejamento financeiro e verifique qual é a sua capacidade de pagamento;
  2. Leia atentamente o contrato de crédito e esclareça quaisquer dúvidas sobre ele para evitar preocupações ou prejuízos.

Aproveite a visita e confira estes outros posts sobre crédito consignado que selecionamos para você: