Negócios Rentáveis. Quais são os melhores para você empreender

Larissa Carvalho

| 3 minutos para ler

mulher de camisa branca e calça preta segurando um laptop comemora de costas para uma parede cinza

Resumo da matéria

  • Negócios rentáveis que estão em alta
  • Como começar um negócio com pouco dinheiro

Continua depois da publicidade

Descubra quais são os negócios que estão em alta e comece agora mesmo a construir sua empresa

Empreender é uma prática que exige estudo, criatividade e, principalmente, planejamento. Afinal são esses elementos que determinam o sucesso de negócios rentáveis.

Se você quer mudar o rumo da sua vida profissional e começar uma empresa do zero, é importante prestar bastante atenção nas informações a seguir.

O Bom Pra Crédito preparou um guia completo sobre as tendências de mercado para os próximos anos.

Negócios rentáveis que estão em alta

Vamos começar falando sobre as atividades profissionais que lucrarão nos próximos anos. São várias opções, desde pequenos comércios até negócios online mais rentáveis para começar com pouco dinheiro. Confira:

Loja Virtual: De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, as vendas pela internet cresceram 56,8% em 2020. A expectativa é que esse número aumente ainda mais.

Para se dar bem com seu e-commerce, aposte em um nicho específico. Ofereça ao seu público produtos e serviços de qualidade e capriche no marketing digital e coloque sua loja em diferentes canais, como Mercado Livre e Amazon, por exemplo.

Agência de marketing digital: Uma pesquisa realizada pelo Mlabs e Social Media Week revelou que as tendências de marketing digital para os próximos anos estão centradas em SEO, Branded Content e Content e Social Ads.

Mais do que nunca, empresas de diversos setores sentirão a necessidade de estarem bem posicionadas no Google.

Se você se identifica com esse mercado, comece agora mesmo a estudar sobre ele e se prepare para abrir sua própria agência.

Importação de Produtos: As pessoas estão buscando por facilidade e atendimento personalizado. Não é à toa que quem atua como personal shopper tem encontrado nesse cenário ótimas oportunidades de trabalho.

Se você mora em outro país, pode oferecer serviços personalizados de compras e envio sob encomenda. Outra opção é fazer a ligação entre fornecedores e comerciantes de produtos importados.

Comércio de alimentos: A pandemia acelerou uma tendência que já estava em crescimento: o delivery de alimentos. De acordo com a FecomercioSP, esse mercado cresceu 49% e continuará em expansão nos próximos anos.

Você pode vender doces, alimentos congelados e lanches, por exemplo. A comercialização de alimentos veganos, sem lactose e sem glúten também está entre pequenos comércios rentáveis que estão crescendo cada vez mais.

Economia criativa: Como já dissemos, os consumidores estão valorizando cada vez mais produtos e serviços personalizados.

A economia criativa oferece um vasto campo de atuação e possibilidades interessantes para quem está começando a empreender.

Se você gosta de artesanatos, personalização de cadernos, cosméticos naturais, vale a pena apostar nesse setor. Crie um site e perfil nas redes sociais e faça parceria com outros empreendedores que também atuam no setor.

em uma mesa branca estão um teclado, uma par de óculos, uma caneca com café e uma caneta em cima de uma folha com gráficos em barra colorido

Leia também: Mente empreendedora: mude agora seu pensamento, pelo bem do seu negócio

Como começar um negócio com pouco dinheiro

Para colocar seu projeto de empreender em prática, é preciso colocar a mão na massa. O primeiro passo é escolher o setor e o nicho em que você pretende atuar. Depois, arregace as mangas e considere as dicas a seguir.

Faça uma pesquisa de mercado: Essa medida é fundamental para reduzir os riscos de perdas do seu negócio. Ela consiste na compreensão de todos os elementos relacionados ao seu nicho de atuação.

Faça uma análise detalhada dos pontos fortes e fracos, do comportamento do consumidor e de seus concorrentes.

Coloque as informações no plano de negócios para que seja possível pensar em estratégias para fazer sua empresa se destacar no mercado.

Defina seu público: Você pode oferecer o melhor produto ou serviço de mercado, mas isso de nada adianta se ele não for direcionado ao público certo.

Caso seja necessário, contrate uma agência especializada em definição de personas.

Isso vai te ajudar a compreender idade, gênero, localização, renda, entre outros dados que determinam o perfil do seu público.

Com a definição bem direcionada, ficará mais fácil fazer com que seus futuros clientes encontrem sua empresa.

Estabeleça estratégias de venda: As estratégias de venda devem estar de acordo com a jornada de compras do cliente. Se você não sabe do que isso se trata, vale a pena contratar uma agência de marketing digital para te ajudar.

Essa medida vai ser fundamental na hora de escolher os canais de comunicação para compartilhar conteúdos relevantes para seu público.

Além disso, ela fará toda diferença na hora de criar anúncios, promoções e ações no pós-venda.

Faça uma boa gestão financeira: Sem controle financeiro, é bem difícil que seu negócio prospere. Avalie o investimento inicial, faça uma reserva de emergência e calcule os custos fixos e variáveis da sua empresa.

Caso seja necessário pedir empréstimo online, é importante que as parcelas não comprometam toda renda do seu negócio. Tome cuidado para não gastar além do necessário e estude sobre finanças.

Gostou de conhecer sobre negócios rentáveis? Conte com o Bom Pra Crédito para transformar seus sonhos em realidade e empreender com segurança, tranquilidade e foco no lucro. 

Ah, e se precisar de um empréstimo pessoal para abrir seu próprio negócio, conte com a gente!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *