Mudar de emprego, como analisar as propostas e decidir pelo melhor

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

imagem de um jovem sentado a uma mesa em frente ao seu laptop e na frente de uma parede cheia de postits

Resumo da matéria

  • Descubra quando é a hora de recomeçar
  • Avalie seus objetivos
  • Não ignore o cenário econômico do país
  • Compare salários e benefícios antes de mudar de emprego
  • Considere seu relacionamento com colegas de trabalho
  • Decidiu que vai mudar de emprego? Então atente-se para essas dicas
  • Atualize o currículo
  • Padronize a candidatura
  • Cadastre seu currículo em sites de emprego
  • Prepare-se para a entrevista
  • Não tenha medo de dar um passo à frente

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

Confira o que você deve colocar na balança antes de tomar a decisão de trabalhar em uma nova empresa

O site de vagas Catho fez uma pesquisa para avaliar o índice de satisfação dos brasileiros em relação ao trabalho. Foram entrevistadas 7 mil pessoas e 92% afirmaram que pretendem mudar de emprego em 2020.

A insatisfação com a rotina, salário pouco atrativo e problemas com a gestão estão entre os principais motivos desse desejo.

Se você se identifica com essa realidade e deseja vivenciar novas oportunidades de trabalho, considere as informações a seguir. 

imagem de uma mesa com três pessoas realizando uma entrevista para mudar de emprego

Veja agora: A hora certa de mudar de emprego

Descubra quando é a hora de recomeçar

Mudar de emprego não é uma decisão simples. Afinal, precisamos garantir que estamos indo para uma empresa que atenda nossas expectativas.

Por isso, é comum que você fique confuso e se pegue fazendo uma série de questionamentos.

Será que eu serei bem recebido? Tenho chances de crescer nesse novo espaço? Meu chefe vai gostar de mim? Está mesmo na hora de começar tudo de novo?

Mais do que se reconhecer nessas perguntas, é importante saber a resposta para cada uma.

Nós vamos te ajudar a responder com mais segurança e tranquilidade. Para isso, selecionamos os principais elementos que você deve considerar para decidir se é ou não hora de mudar de emprego. Confira:

Avalie seus objetivos

Para saber quais são seus objetivos profissionais a curto, médio e longo prazo, é importante que você saiba avaliar sua condição atual.

Analise sua formação, habilidades e planos para sua carreira.

Confira se a empresa onde você está atualmente será capaz de oferecer um cargo que esteja compatível com suas metas.

Faça o mesmo com outras companhias do mesmo segmento e descubra quais são as chances de crescimento dentro de cada uma.

Não ignore o cenário econômico do país

Nem todos os segmentos da economia brasileira mantém a estabilidade que a gente deseja.

É importante que você acompanhe de perto as tendências do setor em que você atua antes de mudar de emprego.

Nesse momento, nós estamos atravessando um cenário que, para muitas pessoas, é completamente estranho e desafiador.

A pandemia causada pela propagação do coronavírus interferiu diretamente na rotina de trabalho de muitos brasileiros.

No atual contexto, segmentos como o farmacêutico, alimentos, higiene pessoal, tecnologia e logística, por exemplo, tem apresentado maior estabilidade. Se você estiver em um deles, mudar de emprego pode não ser tão difícil.

No entanto, você também precisa considerar a estabilidade da empresa atual e daquelas para as quais você pretende migrar.

Avalie se elas estão lidando bem com a crise e se elas oferecem o desenvolvimento que você procura, mesmo em momentos de crise.

Compare salários e benefícios antes de mudar de emprego

O quanto você ganha ou ganhará por mês é um dos fatores de maior peso nessa decisão de mudar de emprego.

O ideal é que a nova empresa ofereça um salário que seja 30% maior do que a atual.

Mas, o salário isolado não deve ser o único elemento de análise. Avalie outros benefícios, como bônus, PLR, assistência médica e odontológica, ajuda de custo, vale refeição e alimentação, auxílio para estudos, entre outros. 

Considere seu relacionamento com colegas de trabalho

O relacionamento com membros da equipe e com os gestores interfere significativamente na produtividade do profissional.

Não é à toa que divergências entre patrão e empregado estão entre as principais causas de pedidos de demissão.

Se você tem uma relação de confiança e transparência com as pessoas que trabalham com você, esse ponto deve ser considerado.

Até porque você só descobrirá como será seu entrosamento com os novos colegas somente depois de mudar de emprego.

Decidiu que vai mudar de emprego? Então atente-se para essas dicas

Depois de encontrar as respostas corretas para seus questionamentos e você decidir que está na hora de mudar de emprego, é hora de dar o próximo passo.

Essa transição tanto pode acontecer em breve como demorar mais do que você imagina.

Atualize o currículo

Esse documento será seu cartão de visitas e você deverá atualizá-lo. Insira todos os dados a respeito de sua atuação profissional e cursos realizados.

Não se esqueça de ressaltar suas competências, habilidades e, se for o caso, domínio de algum idioma. Vale a pena dar uma atualizada na apresentação visual do seu currículo também.

Na internet existe uma série de modelos que podem servir como inspiração. Só tome cuidado para não exagerar demais nas cores e uso de fontes.

E não se esqueça da revisar o português para evitar erros de digitação e de gramática.

Padronize a candidatura

Evite atirar para todos os lados. Se você focar em uma área, suas chances de ser notado pelo recrutador aumentarão.

Mas, se você quiser tentar mudar de emprego e atuar em duas atividades diferentes, faça dois currículos e separe o que é de uma e outra área.

Cadastre seu currículo em sites de emprego

Graças ao desenvolvimento de sites e aplicativos de empregos, é bem mais fácil se candidatar  a uma série de vagas sem precisar ficar indo de agência em agência.

Para cadastrar seu currículo na internet, use palavras-chave específicas.

Elas chamam a atenção dos empregadores porque destacam suas habilidades para a vaga que está disponível.

Não se esqueça de acompanhar a atualização de vagas e as visitas ao seu currículo.

imagem de uma mesa com três pessoas sentadas

Veja agora: As 50 perguntas mais comuns em uma entrevista de emprego

Prepare-se para a entrevista

Caso você seja selecionado para participar de um processo seletivo, a primeira coisa que deverá fazer é estudar sobre a empresa.

Pesquise sobre o segmento em que ela atua e sobre sua cultura organizacional.

Confira o que os atuais e ex-funcionários estão falando sobre ela. Não deixe de verificar quem são as empresas nacionais e internacionais parceiras, localização, quantidade de filiais ou franquias, entre outros elementos.

Não tenha medo de dar um passo à frente

Tudo o que é novo pode causar um certo medo, principalmente quando o assunto é mudar de emprego.

O importante é você focar na sua evolução profissional e assumir os riscos.

Dificuldades e avanços fazem parte de toda trajetória profissional. Portanto, lembre-se que qualquer experiência sempre é válida e vai te ajudar a melhorar suas habilidades e te fazer avançar cada vez mais. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *