Blog > Opções para organizar as finanças pessoais
Empréstimo Pessoal - todas as financeiras num só lugar

Opções para organizar as finanças pessoais

Opções para organizar as finanças pessoais

Quer organizar as finanças de uma vez por todas e não sabe por onde começar? Está endividado e não sabe a melhor maneira de colocar o orçamento em dia? Cuidado com atitudes erradas e sem pensar em um momento delicado.

Existem diversas opções para organizar as finanças pessoais e a melhor escolha depende de como anda a sua situação atual. Não tenha medo de esclarecer sobre a sua vida financeira para você mesmo. Esse é o primeiro passo para encontrar o caminho certo.

O Bom Pra Crédito quer ajudar você na organização das finanças pessoais e tem dicas especiais para serem colocadas em práticas hoje mesmo. Tudo para que você possa realizar os seus sonhos o quanto antes. Vamos lá?

 

Organizando as finanças: primeiro passo

Esclareça cada item a seguir para começar a organizar as suas finanças pessoais:

 

1) Qual a sua renda mensal e anual?

Quando o assunto é finanças pessoais, a renda é “a mãe de todas as coisas”. Isso significa que o seu estilo de vida e todas as suas escolhas devem partir dessa informação. E quem está nesse comando é você!

Por isso, se você não sabe muito bem o quanto costuma entrar por mês, acesse o seu extrato bancário e faça uma média usando os 3 últimos meses.

Considere apenas salário e ganhos fixos, ou seja, não inclua renda variável. Pronto! Você encontrou um valor significativo para as próximas decisões.

Para saber a sua renda em um ano, basta multiplicar o valor encontrado por 12 vezes. Esclarecer esses valores, tanto mensal quanto anual, é importante para que você consiga se planejar daqui pra frente.

 

SOLICITE SEU EMPRÉSTIMO

 

2) Quais são os seus gastos?

Você já parou pra pensar para onde vai o seu salário? Fica surpreso quando olha o saldo da sua conta bancária logo após os pagamentos do mês? Está na hora de colocar tudo na ponta do lápis, inclusive, aquele cafezinho na padaria.

Os gastos maiores costumam ser lembrados facilmente para organizar as finanças, porém, os pequenos gastos jamais podem passar despercebidos. O ideal é anotar os seus gastos para esclarecer o que está pesando no seu orçamento.

Quem não gosta de planilhas, tem opção: o famoso caderninho. O que não pode é deixar de esclarecer quais são os seus gastos no mês.

Para facilitar o início da tarefa, consulte o extrato bancário e anote os valores das despesas por categoria: moradia, alimentação, dívidas, educação, despesas pessoais, lazer, entre outros.

 

3) Você tem dívidas?

Se você tem dívidas, mas está adimplente, manter o equilíbrio financeiro é o maior desafio, para não ficar no vermelho.

Agora, se a sua situação está um pouco mais complicada, com contas atrasadas e dívidas em aberto, há duas opções para organizar as finanças: negociar direto com credores ou trocar a sua dívida por uma mais barata.

Na primeira opção, o ideal é que você tenha em mãos uma boa quantia para pagamento à vista, para conseguir um pouco de desconto.

Na segunda opção, com um empréstimo pessoal, você consegue quitar as suas dívidas e fugir dos juros altos.

 

SOLICITE SEU EMPRÉSTIMO

 

É uma troca de dívidas inteligente, porque você terá de pagar apenas uma dívida por mês, na melhor data de vencimento (que você escolher) e com parcelas que não pesam no seu orçamento mensal. Fácil para controlar as finanças!

 

4) Você tem dinheiro guardado para emergências?

Guardar dinheiro para emergências é fundamental para organizar as suas finanças pessoais.

Com uma reserva para situações inesperadas, dificilmente você recorrerá ao cartão de crédito ou cheque especial, linhas de crédito que possuem os juros mais altos do mercado.

Escolha uma opção para reservar dinheiro para situações emergenciais:

  • Opção 1: se você já pagou as suas contas e sobrou dinheiro, guarde-o na poupança ou faça um investimento de fácil resgate. Guarde uma quantia alta de uma única vez, se possível, ou então vá guardando mensalmente até conseguir uma boa reserva.
  • Opção 2: se não sobra saldo no seu orçamento, você precisa reavaliar os seus gastos para conseguir guardar dinheiro. Crie uma meta baixa e vá aumentando. Não desista!

 

5) Você tem planos com o seu dinheiro?

Organizar as finanças é uma tarefa ainda mais indispensável quando você tem planos financeiros, de curto, médio ou longo prazo.

Por exemplo, se você quer trocar o seu carro daqui a um ano (curto prazo), precisa avaliar o quanto será necessário poupar por mês para comprá-lo no tempo desejado.

Pesquise, anote, faça contas, diminua gastos. A decisão é sua: esforçar-se para guardar dinheiro a curto prazo ou ir guardando um pouco por mês por um longo período.

Caso você não tenha planos claros no momento, crie metas com o seu dinheiro e depois decida o destino da sua economia.

Cuidado com os gastos que parecem invisíveis, pois podem prejudicar o seu planejamento. Para conquistar os seus sonhos, é preciso mão na massa e muita, muita disciplina.

 

Organizando as finanças: controle de gastos

Na hora de organizar as finanças pessoais, priorize os pagamentos de serviços básicos, como água e energia.

O ideal é cadastrar os pagamentos das despesas básicas no débito automático, assim, não corre o risco de esquecimento.

Ainda assim, é importante acompanhar as cobranças no extrato ou aplicativo do banco, para saber se está gastando mais que deveria.

Como as despesas básicas costumam ser as mesmas, um pouco antes de receber o seu salário, anote os valores aproximados em uma planilha de gastos.

O Bom Pra Crédito tem uma planilha de gastos descomplicada para você usar, baixe aqui. Fique atento aos gastos supérfluos, como lazer e compras. Até os pequenos gastos diários, como o famoso “cafezinho”, não podem passar em branco.

 

Organizando as finanças: conte com o Bom Pra Crédito

O Bom Pra Crédito tem soluções para você organizar as finanças pessoais, como um empréstimo pessoal. Assim, você pode pedir seu empréstimo pessoal de forma rápida e segura pela internet.

Isso mesmo: você não precisa mais perder tempo indo aos bancos e financeiras para avaliar propostas de empréstimo pessoal.

O seu pedido de empréstimo pessoal no Bom Pra Crédito é avaliado por diversos parceiros ao mesmo tempo. Com a gente, fica muito mais fácil encontrar o empréstimo pessoal perfeito para o seu momento.

 

SOLICITE SEU EMPRÉSTIMO

 

Nenhum de nossos parceiros solicita pagamento para liberação do seu empréstimo pessoal. E o melhor: o seu pedido de empréstimo no Bom Pra Crédito é 100% gratuito!

By | 2018-02-27T16:08:12-03:00 31 de janeiro de 2018|