Imóvel financiado vai servir como garantia de empréstimo

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

imagem ampliada de dois homens se cumprimentando acima de uma mesa com uma miniatura de uma casa e com papéis em cima

Resumo da matéria

  • Quais os prós e contras desta decisão
  • Qual o melhor banco para empréstimo com garantia de imóvel
  • Como usar um imóvel com garantia de empréstimo
  • Análise de Crédito
  • Análise jurídica e avaliação do imóvel
  • Assinatura do contrato
  • É seguro fazer empréstimo com imóvel como garantia?

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

O empréstimo com imóvel financiado de garantia foi recentemente autorizado pelo Banco Central, mas é preciso estar atento à regulamentação e analisar a viabilidade dessa operação em cada caso

O Conselho Monetário Nacional regulamentou em julho deste ano o compartilhamento de alienação fiduciária de imóveis. 

A regulamentação da operação permite que um imóvel financiado seja utilizado como garantia de um novo empréstimo.

Algumas regras como o impedimento de taxas de juros mais altas que ao da operação original, bem como de prazos acima do remanescente, também foram estabelecidas.

As expectativas são positivas, pois em meio a crise, a intenção é que essa modalidade renda um crédito aproximado de R$ 60 bilhões no mercado, beneficiando a economia. 

Para te deixar por dentro de todas as novidades, preparamos esse guia completo que vai ajudar a entender, principalmente, se vale a pena e quais bancos oferecem as melhores condições para essa contratação.

Quais os prós e contras desta decisão

Assim como em qualquer tipo de operação, deixar um imóvel financiado como garantia de uma nova operação de crédito não tem apenas vantagens.

Muito pelo contrário, as desvantagens existem e precisam ser consideradas, para que a decisão seja tomada com cautela e somente em situações de necessidade real. 

A seguir temos os benefícios e malefícios que podem vir a se desenvolverem a partir dessa operação. 

Vantagens

Começando pelas vantagens, podemos citar que nesse caso o compartilhamento da alienação fiduciária por mais de uma operação de crédito para o tomador, ou seja, o solicitante, é a possibilidade de taxas de juros mais baixas e maiores prazos para pagamento

São justamente esses dois pontos que atraem a atenção dos brasileiros e tornam essa operação uma opção a ser considerada, principalmente, nesse momento de crise que vivenciamos. 

Desvantagens

Para entender as desvantagens desse negócio não precisa ir muito além. Basta imaginar como seria em caso de inadimplemento, pois agora são duas obrigações a serem cumpridas.

E como seria em caso de falta de pagamento? De modo simples e direto: o imóvel pode ir a leilão. 

Isso ocorre, pois, como ocorre em qualquer relação de crédito, seja ela de alto ou baixo valor, a inadimplência possibilita que o banco antecipe as operações de crédito adquiridas por meio do compartilhamento da alienação fiduciária e, assim, exigir a totalidade da dívida.

Portanto, cautela nunca é demais na hora de contratar empréstimos nessa nova modalidade. 

homem segurando chaves de uma casa em primeiro plano com casas ao fundo

Leia mais: Como alugar imóvel sem medo da análise de crédito

Qual o melhor banco para empréstimo com garantia de imóvel

Não restam dúvidas de que para saber qual o melhor banco para solicitar empréstimo é preciso se atentar às taxas de juros.

Portanto, listamos os bancos que mais se destacam no mercado oferecendo oportunidades especiais e taxas de juros baixas em suas operações. Confira!

INSTITUIÇÃOTAXA DE JUROS (a/m)
Banco do Brasil1,75% a 2,20%
Santander1,22% a 1,39%
Creditas1,15% a 1,50% 
Itaú Unibanco1,77% a 1,74%
BV Financeira1,35%
BradescoA partir de 1,16%

Fonte: Banco Central

O Bom Pra Crédito faz a comparação de modo rápido e fácil, e indica qual banco oferece as melhores taxas e prazos, ideais para quem está passando por dificuldades financeiras e precisa de uma força no orçamento. 

Como usar um imóvel com garantia de empréstimo

Depois de fazer sua simulação, encontrar a melhor instituição bancária para realizar seu empréstimo com imóvel de garantia e solicitar, vamos entender quais serão os próximos passos. 

Antes que o dinheiro seja creditado em sua conta, o que pode levar algum tempo.

Mas, considerando as taxas de juros acessíveis e a tranquilidade de ter feito um bom negócio, fazem o tempo valer a pena. 

Análise de Crédito

Então, passadas as etapas de simulação e solicitação, os documentos enviados passarão pela conhecida – e temida – análise de crédito.

Essa etapa tem como objetivo analisar a estrutura financeira do cliente e se condiz com o valor e número de parcelas requeridos.

Se houver alguma questão inconclusiva, o banco entra em contato com o cliente para indicar os pontos que impossibilitaram a concessão do crédito.

Caso esteja em conformidade com as diretrizes da empresa, o pedido passa para a próxima etapa. 

Análise jurídica e avaliação do imóvel

Iniciam-se, portanto, a análise jurídica e avaliação do imóvel a partir da documentação enviada pelo solicitante.

O imóvel é avaliado antes de se tornar garantia e os quesitos ficam a critério da concedente. Mantenha os documentos regularizados para não perder seu tempo.

pilha de moedas crescendo em direção a uma casa de madeira em miniatura

Veja também: Guia do seu primeiro imóvel

Assinatura do contrato

A assinatura do contrato formaliza as obrigações entre banco e cliente. Em seguida, o imóvel deverá ser cadastrado no Cartório de Registro de Imóveis e, nessa modalidade onde o imóvel é financiado, os custos cartorários ficam a cargo do tomador e, a depender do banco, podem ser inclusos no valor do empréstimo. 

Após cumprido as etapas e o contrato entregue no banco, basta aguardar a liberação do crédito na conta indicada.

É seguro fazer empréstimo com imóvel como garantia?

Fazer empréstimo com imóvel de garantia é seguro e vantajoso, pois oferece juros mais baixos e prazos estendidos.

Para que você tome a melhor decisão e não perca dinheiro em um momento delicado, nossa dica é que você conheça bem as opções do mercado antes de solicitar sua linha de crédito.

Além disso, manter o orçamento equilibrado é fundamental para tomar as melhores decisões e enfrentar a crise financeira com mais tranquilidade. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *