Empréstimo a empreendedores de baixa renda, como funciona e como garantir seu

Larissa Carvalho

| 3 minutos para ler

sentados em diferentes lados de uma mesa dois homens apertam a mão um do outro

Continua depois da publicidade

Entenda quais são as regras para pedir empréstimo a empreendedores de baixa renda e descubra o que fazer, caso sua solicitação não seja aprovada

Você já ouviu falar sobre o empréstimo a empreendedores de baixa renda? Uma pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas em parceria com o Sebrae revelou que, entre os meses de abril e maio de 2020, a busca de crédito para empreendedores aumentou 8%.

No entanto, os dados também mostraram que, dos 10.384 donos de pequenos negócios, apenas 14% conseguiram o dinheiro solicitado. Um dos motivos para isso é a falta de conhecimento sobre como funciona o empréstimo a empreendedores de baixa renda.

Se você precisa de dinheiro, leia as informações a seguir. O Bom Pra Crédito vai te explicar quais são os caminhos que você pode seguir para obter aprovação de crédito.

Afinal, o que é?

Também conhecido como microcrédito, o empréstimo a empreendedores de baixa renda é uma modalidade de crédito de pequeno valor. Ele é destinado a MEIs (microempreendedores individuais) e trabalhadores informais.

Geralmente, esse tipo de empréstimo é procurado por quem não consegue ter acesso a empréstimos convencionais. O BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento) é o órgão que regulamenta essa operação.

Quem pode pedir empréstimo a empreendedores de baixa renda?

Como já dissemos, o BNDES criou as regras para a realização do microcrédito. Para contratar, o empreendedor deve ganhar até 360 mil reais por ano. Outra condição diz respeito ao uso do dinheiro.

Nesse caso, o valor do empréstimo deve ser usado para a compra de matéria-prima, máquinas e equipamentos. Em outras palavras, o dinheiro é destinado exclusivamente ao negócio e não pode ser empregado em aquisições pessoais.

O BNDES estabelece um limite máximo de valor que cada empreendedor pode pedir: R$20 mil. Outra regra criada pelo órgão está relacionada às taxas de contratação. Os juros não podem ser maiores que 4% ao mês.

Vale dizer que cada banco negocia suas taxas de forma diferente, mas não pode ultrapassar o limite de 4%. Na contratação, as instituições financeiras podem cobrar uma Taxa de Abertura de Crédito, que não pode ultrapassar 3% do valor pedido.

Como contratar empréstimo a empreendedores de baixa renda?

Quem se enquadra nos requisitos do BNDES para esse tipo de crédito pode procurar bancos que realizam essa operação a qualquer momento. O processo é basicamente o mesmo de um empréstimo convencional.

O banco fará análise do perfil da sua empresa junto dos documentos solicitados, para ver se você é um bom pagador. O número de parcelas depende do porte do seu negócio e do diagnóstico da sua situação financeira.

Além disso, a instituição financeira precisa confirmar se sua empresa realmente existe. Isso pode ser feito por meio de pesquisas na internet e visitas ao estabelecimento. Caso esteja tudo de acordo com o esperado, o dinheiro é liberado em poucos dias.

imagem de pessoas sentadas ao redor de uma mesa assinando um contrato de empréstimo

Para te ajudar: Cursos gratuitos e online para empreendedores: os sete essenciais para abrir o seu negócio

E se eu não conseguir empréstimo a empreendedores de baixa renda?

Não são todos os bancos que trabalham com esse tipo de crédito, já que esse serviço não é uma obrigação. Mesmo o Banco do Brasil, Bradesco, Caixa, Itaú e Santander, que disponibilizam o microcrédito, podem não liberar o dinheiro desejado.

Além disso, os R$20 mil estabelecidos pelo BNDES podem não ser liberados, principalmente se o empreendedor já tiver outros empréstimos ou possuir um score baixo no SPC. Por isso, é sempre importante contar com outras opções.

Uma das que oferecem o melhor custo-benefício é o pedido de empréstimo online no site do Bom Pra Crédito. Nós temos parceria com mais de 30 bancos e podemos te ajudar a encontrar a solução ideal para sua empresa.

Basta acessar nosso site e preencher um formulário com a quantidade de dinheiro de que você precisa e o tempo que precisa para quitar as parcelas. Dependendo do seu perfil financeiro, podemos encontrar bancos que ofereçam o valor maior que R$20 mil.

Assim, você consegue solucionar os problemas do seu negócio com mais comodidade e não precisa se preocupar com as regras do BNDES. Isso sem contar que o dinheiro do empréstimo pode ser usado onde e como você quiser.

Você terá a liberdade para comprar máquinas, quitar dívidas pessoais, ampliar sua empresa, viajar, entre outras decisões que escolher. Com isso, ficará muito mais fácil entrar em dia com suas contas e realizar sonhos com parcelas que cabem no seu bolso.

Tudo certo para solicitar agora mesmo o empréstimo a empreendedores de baixa renda? Acesse nosso site e conheça todas as vantagens que podemos oferecer para que você comece o ano com a vida financeira organizada. Ah, e se você chegou até aqui à procura de um empréstimo pessoal, conte conosco!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *