Como consultar abono salarial e o que você pode fazer com o dinheiro

Larissa Carvalho

| 7 minutos para ler

mulher de camisa e óculos sorri enquanto olha para seu celular de costas para um fundo rosa

Continua depois da publicidade

Entenda o que é, como consultar e o que você pode fazer com o dinheiro.

Por meio do Caixa Trabalhador — aplicativo disponível para Android e iPhone (iOS) — é possível consultar o saldo do Abono Salarial. Esse benefício é concedido apenas para trabalhadores inscritos no PIS/PASEP, e começou a ser pago no dia 16 de julho de 2020.

No dia 18 de janeiro de 2021, pessoas nascidas em agosto começaram a ter acesso ao valor.

O pagamento é destinado a funcionários da iniciativa pública e privada e pode chegar a até um salário-mínimo (R$1.045). O crédito é feito de acordo com a data de nascimento de cada trabalhador e estará disponível para retirada até 30 de junho de 2021.

Confira, neste artigo, como consultar o abono salarial e o que você pode fazer com o dinheiro.

O que é o Abono Salarial

O Abono Salarial é um benefício anual proporcionado a trabalhadores da iniciativa privada e pública que cumpriram alguns requisitos previstos na Lei 7.998/90. Com ele, os cidadãos podem receber até um salário-mínimo, dependendo do tempo trabalhado no ano considerado para a entrega do benefício.

O pagamento é feito seguindo um calendário estabelecido pelo CODEFAT (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador).

Para ter direito ao Abono Salarial, é preciso estar cadastrado no PIS/PASEP há, pelo menos, cinco anos e ter recebido, no máximo, uma média de dois salários-mínimos no ano-base.

Além disso, para conseguir o Abono Salarial, é preciso ter trabalhado por, pelo menos, 30 dias, sendo eles consecutivos ou não. No mais, o empregador precisa ter registrado os dados do empregado na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Quem tem direito a receber Abono Salarial?

Podem receber o Abono Salarial trabalhadores vinculados a empregadores Pessoa Física ou Jurídica, empregados domésticos, menores aprendizes e diretores sem vínculo empregatício. O valor é pago de forma proporcional ao tempo, em meses, que o cidadão trabalhou no ano-base.

O período de 15 dias ou mais é contabilizado como um mês integral. O limite do benefício é de um salário mínimo, pago quando o beneficiário tiver trabalhado por 12 meses. Confira a tabela abaixo.

Tabela de pagamento do PIS

Quantidade de meses trabalhadosValor a receber
1R$ 88
2R$ 175
3R$ 262
4R$ 349
5R$ 436
6R$ 523
7R$ 610
8R$ 697
9R$ 784
10R$ 871
11R$ 958
12R$ 1045

Fonte: Caixa Econômica Federal

Veja também: Aprenda tudo sobre o Seguro Desemprego

Como faço para consultar meu Abono?

Abra o aplicativo Caixa Trabalhador e faça login com seus dados da Caixa. Na tela inicial, localize a seção “Abono Salarial” e toque em “Exercício Vigente” para ver o seu saldo disponível para pagamento.

O aplicativo permite visualizar o calendário de pagamentos completo de 2020-2021 e, ainda, acessar uma calculadora para fazer uma simulação do valor do Abono Salarial.

Para isso, você deve informar o salário mensal e a quantidade de meses trabalhados. Veja abaixo como funcionam os calendários de pagamento.

Como funciona o calendário do PIS 2020 e 2021

O calendário de pagamento é feito seguindo o mês de nascimento dos trabalhadores da iniciativa privada, cadastrados no PIS, e o número final de inscrição do PASEP, para servidores públicos.

Os pagamentos tiveram início no dia 16 de julho de 2020 e ficarão disponíveis para retirada até o dia 30 de junho de 2021, conforme a seguir.

Calendário de pagamento do Abono Salarial 2020-2021

Mês de nascimentoData do pagamento
Julho16/07/2020
Agosto18/08/2020
Setembro15/09/2020
Outubro14/10/2020
Novembro17/11/2020
Dezembro15/12/2020
Janeiro19/01/2021
Fevereiro19/01/2021
Março11/02/2021
Abril11/02/2021
Maio17/03/2021
Junho17/03/2021

Fonte: Caixa Econômica Federal

Como sacar o Abono Salarial?

O pagamento do Abono Salarial é feito direto na sua conta, se você possuir conta-corrente ou poupança na Caixa. Os trabalhadores que não tiverem uma conta nesse banco, mas tiverem o Cartão Cidadão, podem sacar em caixas eletrônicos, Casas Lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui. 

Trabalhadores que não possuírem o Cartão do Cidadão ou uma conta na Caixa, devem procurar uma agência (Caixa) para descobrir como consultar o abono salarial. É fundamental levar os seus documentos oficiais de identificação e o número do PIS.

O que fazer com o dinheiro do Abono Salarial?

O ano passa muito rápido, mas uma das coisas boas é o Abono Salarial. Afinal, quem não gosta de receber um dinheiro extra, não é mesmo? O problema é quando ele não fica muito tempo na nossa conta bancária.

Se você não tiver cuidado, essa quantia extra sumirá rapidamente — principalmente no meio de todos os estímulos ao consumismo envoltos na sociedade. Entretanto, existem muitas maneiras inteligentes de usar o benefício, sem deixar esvair o dinheiro. Acompanhe agora algumas sugestões.

Pagar dívidas

Quem está com dívidas, provavelmente, já está pensando em resolver essa situação quando o dinheiro cair na conta. Afinal, manter-se com essa pendência pode trazer uma série de prejuízos, já que os juros tornam essa questão ainda mais complicada de ser resolvida.

Então, para os que se endividam, com certeza, pagar as dívidas é uma opção de como utilizar o seu dinheiro extra. Mas, isso não deve ser feito sem planejamento. Siga algumas dicas que podem fazer com que você colha ainda mais benefícios.

A primeira  é, especialmente, para quem tem mais de uma dívida: foque sempre naquela que apresenta juros maiores. Por isso, liste suas pendências e identifique qual deverá ser a sua prioridade.

Outra dica é negociar o valor. As dívidas geram juros altos, e pouquíssimas pessoas sabem que eles podem ser negociados, quando se tem o dinheiro para quitar tudo à vista. Algumas podem, inclusive, cair pela metade do valor anterior, ou até mais do que isso, com as negociações.

Não importa que tipo de dívida você tenha: após consultar e ter acesso ao abono salarial use-o para deixar de pagar os juros que só aumentam a sua pendência. Esse é o uso mais inteligente do benefício para quitar as suas despesas.

Limitar os gastos ao longo do ano

A matemática é importante para a sua vida financeira, mas ela não é tudo. O dinheiro extra, às vezes, pode ser uma oportunidade de fazer a compra de algo muito necessário para você ou, até mesmo, para presentear alguém.

Quem gosta de presentear a família, por exemplo, deve manter esses gastos planejados. Extrapolar e comprar por impulso não faz bem para o seu bolso. Por isso, crie um limite de compras e o siga.

De acordo com especialistas da fintech de empréstimo pessoal, o Bom pra Crédito, o ideal é que esse limite não chegue a ultrapassar mais que 20% do seu salário. Adapte o preço dos presentes a essa realidade.

Guardar para os gastos do começo do ano

Como sabemos, o começo do ano é cheio de gastos. Contas, matrícula de escola (para quem estuda na particular), cursos, compra de material didático para estudantes, pagamento de IPVA. IPTU, entre outros, estão inclusos nessas despesas.

Programe, pelo menos, uma parte do seu dinheiro para as despesas extras de janeiro. Se você tem dívidas, mas não está inadimplente, nem sempre vale a pena usar o Abono Salarial para antecipar parcelas. É importante calcular os descontos oferecidos pelas empresas, antes de tomar essa decisão.

Uma outra forma é aproveitar esse dinheiro para começar uma reserva de quitação de dívidas. Assim, ao longo do tempo você terá dinheiro para negociar o pagamento com mais descontos.

Essa estratégia traz muito mais economia, valendo, também, para quem está inadimplente e não conseguiu bons descontos na quitação. Se a sua dívida está muito alta e a negociação não puder ser realizada, inicie sua reserva de quitação e obtenha um valor maior para poder negociar.

Criar uma reserva de emergência

Quem não tem dívidas pode usar o Abono Salarial para criar em uma reserva de emergência. Esse conceito é um dos principais fatores para garantir a conquista do seu equilíbrio financeiro.

A reserva de emergência é um dinheiro disponível, mas você deve ter em mente qual é o momento correto para usá-la. Alguns exemplos são quando surgirem gastos urgentes, imprevistos ou quando for preciso enfrentar instabilidade na sua renda.

Ter essa quantia destinada a situações inesperadas evita o endividamento e traz muito mais tranquilidade financeira. Isso porque não será preciso retirar dinheiro do seu orçamento para resolver o imprevisto. Logo, vale muito a pena poupar o valor extra, com esse objetivo.

Mas, se ainda não tem uma reserva de emergência, o benefício é uma ótima oportunidade para começar a montá-la. Essa é uma das principais lições na hora de controlar as suas finanças. Deixe o dinheiro disponível para o caso de ocorrerem situações que fujam do seu controle e orçamento.

Para quem já tem, talvez seja um momento para fazê-la aumentar. Em tempos de crise, é sempre importante ter um pouco mais de dinheiro para imprevistos — essa foi uma das lições que a pandemia trouxe.

imagem ampliada da mão de uma pessoa segurando um saco com um cifrão desenhado

Para aprender ainda mais: Conta Salário: O Guia Completo – O que é e Como Funciona

Preparar-se para o novo ano

Um ano que se inicia não traz apenas metas e esperança de tempos melhores, mas também contas. Como citamos, o mês de janeiro é marcado por diversos gastos, havendo aquela ansiedade e o medo de não dar conta de arcar com todas as despesas, ao longo do ano.

Use essas sensações ao seu favor e foque em criar medidas que minimizem preocupações. Repense seus hábitos de consumo e foque em uma palavra de ordem importante: economia. 

Pense que é bem melhor não precisar recorrer a parcelamentos no cartão de crédito, por exemplo. Por isso, aproveite o Abono Salarial para iniciar aquela reserva que você desejava para fazer uma viagem, trocar de celular, etc.

Uma das melhores maneiras de usar o benefício é iniciar janeiro com esse dinheiro extra. Assim, fica mais fácil de manter a motivação para o ano que começa e conseguir realizar as suas metas, especialmente as financeiras.

Investir

Claro que não podíamos deixar de te aconselhar a investir. Essa é uma maneira de fazer com que seu dinheiro valha ainda mais a pena, no futuro. Não precisa ser todo o valor do Abono Salarial, mas, em média, 30% deve ser direcionado para investimentos.

A melhor dica é usar esse extra para ganhar mais dinheiro. Essa é a consequência quando se investe o capital que você recebe. Com isso, você multiplica o valor adquirido e pode ter finais de ano melhores no futuro.

Afinal, investir é colocar o seu dinheiro em algo que vá gerar renda. Assim, comprar itens para revender e entender os produtos financeiros são exemplos de investimentos. A vantagem do segundo exemplo é que ele não demanda trabalho direto.

Já no caso do trabalho indireto, o seu dinheiro é que trabalha para você. Você tem medo de perder dinheiro ao começar a investir? Então, é preciso estudar sobre investimentos para fazer as melhores escolhas e não perder nada.

Viu como há muitas maneiras de usar o Abono Salarial, com sabedoria? As dicas que demos podem não te proporcionar a felicidade instantânea de lazer ou compras. Porém, não temos dúvidas de que elas trarão muitos benefícios em longo prazo!

Agora que você já sabe como consultar abono salarial, basta colocar tudo o que você aprendeu em prática. Gostou? Então, saiba mais sobre dicas de economia no blog do Bom Pra Crédito.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *