10 dúvidas sobre empréstimo consignado

Larissa Carvalho

| 2 minutos para ler

10 dúvidas sobre empréstimo consignado

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

Destinado aos trabalhadores com carteira assinada ou ainda a aposentados ou pensionistas do INSS, o empréstimo consignado ainda é fonte de muitas dúvidas entre pessoas que desejam adquirir essa modalidade de crédito. Veja algumas informações esclarecedoras sobre o assunto:

O que é empréstimo consignado?

Diferente do empréstimo comum, o consignado debita o valor da parcela direto do benefício ou salário, ou seja, o banco tem garantia do pagamento do crédito. E é por oferecer pouco risco ao banco, que esta linha costuma ter taxas de juros bem menores.

Posso fazer o empréstimo consignado?

Esta modalidade é destinada apenas aos trabalhadores com carteira assinada, funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS. Ressaltando que, para funcionários públicos, aposentados e pensionistas do INSS, a taxa costuma ser menor por causa da estabilidade financeira deste público.

É necessário ser correntista do banco que vou realizar o empréstimo?

Não. O usuário não precisa ter este tipo de vínculo com o banco a ser contratado.

Em quais locais poderei efetuar a contratação?

Funcionários com registro em carteira podem se direcionar ao setor de recursos humanos da empresa e questionar quais são os locais conveniados para a realização do empréstimo. Beneficiários do INSS e funcionários públicos poderão ir diretamente aos bancos que ofertam crédito consignado.

Para liberar o valor, o banco realizará a análise de crédito?

Sim. Ainda que haja a garantia do débito da parcela na conta, o banco realiza a análise para verificar seu histórico e decidir se liberará ou não o valor.

Qual é o limite de crédito de um consignado?

De acordo com o Banco Central, existe uma margem consignável que compromete até 30% do valor total do salário ou benefício. Assim, se a pessoa recebe R$ 2.000,00 mês, o valor máximo da parcela será de R$600, 00 por mês.

E se eu não conseguir pagar a dívida, o que faço?

Se tiver dificuldade para pagar as parcelas seguintes, entre em contato com o banco e solicite uma renegociação de dívida. Dependendo da situação, pegar um segundo empréstimo para quitar o primeiro pode ser uma saída a ser considerada.

Para aposentados e pensionistas, o consignado está disponível apenas na Caixa Econômica Federal ou posso pegá-lo em outros bancos?

Além da Caixa Econômica Federal, outros bancos também contam com esta linha de crédito, possibilitando ao cliente liberdade de escolha. Basta consultar quais deles possuem convênio com a Previdência Social. Veja neste link.

Posso fazer mais de um empréstimo ao mesmo tempo?

Essa dúvida é bastante comum. É possível desde que o valor da parcela não ultrapasse a margem consignável de 30% do valor do benefício.

E se por acaso eu perder o emprego durante o contrato de empréstimo vigente?

Cabe lembrar que a dívida ainda se mantém ativa, ou seja, ela não é cancelada e o saldo restante das parcelas deverá ser quitado.

As taxas de juros deste tipo de empréstimo são determinadas por lei ou há variação?

Na verdade, elas podem variar de banco para banco. O ideal é que você faça um comparativo e analise quais são mais vantajosas.