5 maneiras de guardar dinheiro para pagar seu empréstimo corretamente

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

grampo travando carteira para guardar dinheiro

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

Descubra agora que é possível fazer empréstimo, pagar as dívidas e guardar dinheiro sem dor de cabeça

Chega um momento da vida em que fazer empréstimo é a solução ideal para nossos problemas. Seja para quitar dívidas atrasadas que viraram uma bola de neve ou investir na reforma da casa, entre outras coisas, pegar dinheiro no banco pode ser inevitável. Por isso, é necessário sempre guardar dinheiro para pendências futuras.

Nesse caso,  é importante que você tenha em mente que o empréstimo servirá para resolver uma situação, não gerar mais dívidas.

Portanto, uma vez que você assina o contrato com o banco, deverá cumprir sua promessa e pagar as parcelas.

Para te ajudar a não passar aperto nos meses em que deverá quitar a dívida com instituição financeira, vamos te dar as principais dicas de como guardar dinheiro.

Depois de ler esse texto, você verá que, com simples atitudes, deixará sua vida financeira mais organizada.

Lembre-se de que o controle das finanças deve se basear nessas três palavras: ver, organizar e diminuir. E o que isso significa? A gente vai explicar!

1. Veja o quanto você ganha

Você precisa perder o medo de olhar o saldo da sua conta bancária para não cair em despesas desnecessárias. Por isso, pegue um papel e anote em destaque o valor real do quanto você recebe por mês. 

cofrinho de porco rosa usado para guardar dinheiro

Leia mais: Nunca faça depósito antecipado para empréstimo

2. Obtenha uma renda extra

Se você faz algum bico para ter renda extra, coloque a média do quanto você ganha com esse trabalho também.

Se ainda não tem esse hábito de ganhar dinheiro além do seu salário, é um ótimo momento para colocar em prática.

Nesse caso, basta investir naquela habilidade que só você tem e usar isso para ganhar e guardar dinheiro.

Se você é um tipo de pessoa que sabe vender, que tal pegar aquelas roupas e objetos que estão encostados e montar um bazar? 

3. Organize suas despesas

Você já parou para pensar o quanto gasta por mês com alimentação, lazer, contas da casa, roupas, transporte, entre outras coisas?

Não?

A hora é agora! Sabe aquele papel em que anotou o quanto ganha?

Então, pegue ele e anote tudo. Sim, tudo! Separe por categorias e não deixe nada de fora. Por exemplo, no grupo de alimentação, coloque o valor que você gasta todas as vezes que vai ao supermercado.

Comeu no restaurante? Então tem que anotar.

4. Diminua seus gastos para guardar dinheiro pro futuro

Para pagar o empréstimo sem sufoco e, ainda por cima, ganhar dinheiro, você precisa aprender a gastar.

Isso não significa se privar do que te faz bem. Nesse caso, o importante é diminuir os gastos com aquilo que não agrega. 

Depois que você organizar a planilha com suas despesas, vai notar que está gastando  muito dinheiro com algumas coisas desnecessárias. Vamos continuar com o exemplo da alimentação.

Não seria mais interessante levar marmita para o trabalho ao invés de almoçar todos os dias em restaurante?

5. Crie metas para seus gastos e guarde uma parte do que arrecada

Você já descobriu o quanto gasta. Agora é hora de saber controlar as despesas. Para isso, crie metas que você sabe que pode cumprir. Trouxemos um exemplo para te ajudar com esse item. Vamos lá!

Use 50% da sua renda para aqueles gastos que são de extrema necessidade. Aqui, entra o aluguel (se for o seu caso), supermercado, feira, transporte, conta de luz, água, telefone e internet. 

Reserve 30% do seu salário para as prioridades financeiras. Nesse caso, é com esse dinheiro que você pagará as parcelas do empréstimo. Nada de comprar roupas e fazer estripulias com esse dinheiro. 

O que sobrar do pagamento das dívidas, adivinha o que você deve fazer? Sim, guardar dinheiro! Coloque na poupança, tesouro direto ou outros investimentos que você acha que estão de acordo com o seu perfil. 

E os outros 20%? Ninguém é de ferro e trabalha só pra pagar conta, não é? Esses 20% serão para você investir no seu lazer ao longo do mês. Acha pouco? Que tal procurar atividades gratuitas em sua cidade? 

Um piquenique no parque com amigos, andar de bicicleta, visitar exposições gratuitas e ir ao cinema nos dias de desconto são ótimas alternativas. 

Por que é importante manter as parcelas do empréstimo em dia?

Agora, vamos voltar ao assunto do empréstimo. Por que você não deve atrasar as parcelas? Quando você solicitou esse serviço, assinou um contrato e se comprometeu a ser um bom pagador.

O banco, para garantir que retomará o dinheiro que te emprestou, inclui taxas de juros que são cobradas a cada mensalidade. Essa é a maneira que ele encontra para não levar um calote e sair no prejuízo.

Dessa forma, cada vez que você atrasa o pagamento, adivinha o que acontece?

O banco, sem dó, cobra juros compostos. Isso significa que as taxas se multiplicam e aqueles 30% que você deveria usar para quitar suas dívidas podem não ser suficientes.

Nesse caso, o que acontecerá? Você irá comprometer o dinheiro das suas outras despesas. Isso pode gerar ainda mais problemas, já que perderá o controle dos gastos essenciais.

homem de camisa azul claro anotando seus gastos para se organizar e guardar dinheiro

Leia mais: Reserva e Emergência: o Mini Guia Essencial

Como o Bom Pra Crédito pode te ajudar?

A gente sabe que, por mais que tente controlar os gastos, nem sempre isso é possível. Surpresas podem surgir no meio do processo e comprometer nossas finanças. Nesse caso, o melhor a fazer é não se desesperar.

Se você não conseguiu guardar dinheiro para pagar suas dívidas, é melhor considerar fazer um empréstimo online.

Para isso, entre no site do Bom Pra Crédito e preencha o formulário com o valor que você deseja, em quanto tempo deseja quitar, além de fornecer seus dados pessoais e financeiros.

Dependendo do seu perfil, você poderá receber, em poucos minutos, uma cotação de mais de 30 financeiras com as melhores taxas de juros e condições de parcelamento.

Lembre-se de focar nas dicas que apresentamos nesse artigo para evitar mais dívidas. Quando seu empréstimo acabar, use os 30% do seu salário para guardar dinheiro.

Dessa forma, você poderá usar esse valor para investir em sonhos ou realizar metas. 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *