5 questões indispensáveis que você precisa responder antes de abrir o próprio negócio

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

imagem ampliada de cinco pessoas se cumprimentando acima de uma mesa com laptops

Resumo da matéria

  • Empreender não é para qualquer um. Você tem o perfil?
  • Planejamento é tudo. Você precisa ter um plano de ação!
  • Dinheiro não é tudo, mas é uma grande parte. Onde conseguir?
  • A burocracia é grande. Está disposto a enfrentar?
  • Seu estilo de vida vai mudar, você está preparado?

Continua depois da publicidade

premio reclame aqui 2020

Você tem o perfil? Sabe como conseguir crédito? Confira esses e outros apontamentos

Empreender é um dos principais sonhos de quem busca independência do mercado de trabalho, um dos principais motivos do porque muitos procuram saber como iniciar um negócio.

Um estudo da consultoria McKinsey, realizado em parceria com o evento Brazil at Silicon Valley em 2019, mostrou que 39% da população economicamente ativa é dona do próprio negócio.

Mas, ainda no “país de empreendedores”, como a pesquisa define, o sonho de ser o próprio chefe vem junto com responsabilidades e consequências ainda maiores do que apenas ser o funcionário contratado de uma empresa.

Por exemplo, ao estudar bem sobre como abrir o seu próprio negócio, você vai ter que entender bem sobre burocracia, educação financeira que vai além do cuidado de um orçamento familiar e outras características administrativas.

Esse é um passo que exige comprometimento e dedicação, por isso, antes de cogitar, é essencial que você avalie alguns pontos importantes, vamos descobrir melhor sobre eles:

Empreender não é para qualquer um. Você tem o perfil?

Por mais que esse seja o sonho de muita gente, é preciso enfrentar uma realidade dura: empreender não é para qualquer pessoa.

Além de dinheiro para investir no negócio, é necessário ter o perfil recomendável.

Por exemplo, contar com algumas habilidades. Principalmente se você fará isso sozinho, sem um sócio ao lado.

Quando as pessoas dividem essas responsabilidades, podem dividir também suas inclinações profissionais. Mas sozinho, você deve arcar com tudo sozinho.

Nesse caso, não ter boas habilidades para ser um bom administrador pode ser um movimento arriscado.

Então, verifique se o seu perfil se enquadra no de um novo empreendedor. Isso nos leva ao próximo item.

Então, verifique se o seu perfil se enquadra no de um novo empreendedor. Isso nos leva ao próximo item.

homem de terno falando ao telefone próximo a uma janela

Veja também: Ideias de negócios lucrativos, dê um salto em 2020

Planejamento é tudo. Você precisa ter um plano de ação!

Cogitar abrir um negócio já indica antes de tudo avaliar uma boa oportunidade de investimento, mas depois disso ter um planejamento para definir as metas da sua empresa é imprescindível. 

Definir metas e objetivos do seu negócio é o passo inicial para saber onde quer chegar em um curto, médio e longo prazo.

Além de contribuir também para identificar pontos fortes e pontos fracos, recursos disponíveis e o tempo que seu negócio vai exigir para amadurecer. 

Dinheiro não é tudo, mas é uma grande parte. Onde conseguir?

Não existe negócio sem uma grande ideia ou oportunidade, mas também não existe um negócio sem dinheiro.

O capital necessário para colocar seu empreendedorismo em prática precisa vir de algum lugar. 

Se isso não vem de uma reserva financeira construída com esse objetivo, nem tudo está perdido.

Você ainda pode contar com uma linha de crédito e adquirir um empréstimo pessoal para realizar o seu sonho.

Hoje em dia isso pode ser feito de maneira rápida e descomplicada sem enfrentar nenhuma fila.

É possível contratar um empréstimo online e ainda avaliar quais suas melhores opções de taxas de juros e condições de pagamento. 

Na plataforma do Bom Pra Crédito, por exemplo, você pode analisar as opções entre mais de 30 instituições financeiras parceiras. 

A burocracia é grande. Está disposto a enfrentar?

A burocracia do país pesa bastante contra os novos negócios. No Brasil, empreendedores levam 79 dias, em média, para abrir uma empresa, contra um dia e meio nos EUA. 

Você não enfrenta a tal da burocracia apenas para abrir sua empresa. Fechar um negócio também envolve custos e por aqui eles são 44% maiores do que os gastos para abrir um negócio. 

Esses e outros números levam o Brasil à 124ª posição de ranking sobre facilidade de fazer negócios, que considera 190 países.

A nota do país melhorou para 59,1, segundo dados do Banco Mundial divulgados pelo relatório Doing Business 2020.

imagem de sala de reunião cheia de homens e mulheres conversando entre si

Veja também: Como calcular margem de lucro e saber os retornos dos seus negócios

Seu estilo de vida vai mudar, você está preparado?

A ideia de ser o próprio chefe pode conter algumas frustrações quando analisamos a realidade.

Algumas pessoas acham que sua rotina será mais flexível, sem um horário padrão a cumprir em uma empresa em que você bate ponto e tem uma carga horária a cumprir, por exemplo.

Mas, na realidade, assumir um negócio exige muitas responsabilidades. Não estamos dizendo que você não terá uma agenda flexível, mas não necessariamente vai conseguir implementar isso.

Principalmente nos primeiros anos seu negócio vai exigir de vocês muitos esforços para alcançar a estabilidade e é provável que você trabalhe bem mais do que antes. 

Por isso mesmo é necessário também ser uma pessoa disciplinada, que sabe administrar o próprio tempo e, acima de tudo, reconhece o momento em que precisa de ajuda para não colocar todo o seu trabalho em risco. 

Viu como um sonho pode significar também muito trabalho duro? Conte nos comentários o que mais um novo empreendedor precisa saber antes de abrir o próprio negócio.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *