9 passos para conquistar a independência financeira e sair do cheque especial e rotativo do cartão

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

9 passos para conquistar a independência financeira e sair do cheque especial e rotativo do cartão

Continua depois da publicidade

Está buscando dicas para conquistar a independência financeira? O Bom pra Crédito listou os passos para você organizar as finanças pessoais, sair do cheque especial e rotativo do cartão de crédito, e assim, pode viver com mais tranquilidade. Antes de ler as nossas dicas, é importante conhecer melhor o conceito de independência financeira.

Ter liberdade financeira não significa enriquecer, mas sim tornar-se o ou a protagonista de sua própria vida financeira, ficando livre de problemas financeiros que impedem o seu crescimento.

A seguir, saiba como ter controle sobre as finanças e alcançar a sua independência financeira.

1) Faça escolhas inteligentes para alcançar a independência financeira

Quando o assunto é finanças, você tem feito boas escolhas ultimamente? Bom, se você está gastando mais do que ganha, não.

E se depende do cheque especial ou do cartão de crédito (ou ainda dos dois) para não passar sufoco, você se encontra em um momento de desequilíbrio financeiro.

Mas não termina por aí. Se você tem dívidas pendentes, a situação piora um pouco. Ainda assim, é possível recuperar fôlego e voltar a buscar sua independência financeira.

Escolhas inteligentes são escolhas mais econômicas. Isso não significa que você não pode usufruir das coisas que gosta. Comece hoje mesmo.

Leia também » Qual o seu perfil financeiro na hora de gastar dinheiro?

2) Quite suas dívidas

Os problemas financeiros atrapalham a conquista da independência financeira, porque as dívidas não só aumentam com o tempo, como também pode impedir o acesso ao crédito.

Então, se você tem dívidas pendentes, não adianta ignorá-las, mesmo que você esteja enfrentando uma crise financeira busque alternativas para pagar as suas contas atrasadas.

Uma opção é solicitar um empréstimo pessoal para quitar as dívidas de uma única vez, com juros mais baixos e parcelas que não pesam no seu orçamento mensal. Além da possibilidade de economia, você só vai precisar se organizar com um único compromisso.

3) Livre-se do crédito rotativo do cartão

Os juros do rotativo do cartão de crédito lideram o ranking do país dentre as modalidades de crédito.

O pagamento mínimo da fatura do cartão de crédito funciona como um empréstimo emergencial, porque ao utilizar o cartão para as compras ou pagamento de contas, o banco ou financeira está emprestando dinheiro e espera recebê-lo em sua totalidade.

Os bancos e financeiras costumam oferecer duas soluções para a dívida do cartão: pagar mínimo ou parcelar.

Mas para evitar ou fugir dos juros altos, busque uma modalidade de crédito mais barata, como o empréstimo pessoal, que possui juros menores que os dos rotativo.

4) Saia do cheque especial

Os juros do cheque especial são os mais altos dentre as modalidades de crédito e perdem apenas para os juros do rotativo do cartão de crédito.

O cheque especial também funciona como um empréstimo emergencial, que fica disponível na conta corrente para ser usado quando o cliente quiser.

Acontece que tanta facilidade pode virar um círculo vicioso: você usa o limite e consegue pagar quando cai o dinheiro, mas depois fica sem saldo e tem que acionar o cheque especial novamente.

Só existe uma saída: pagar o limite do cheque especial sem comprometer a sua renda. Para isso, prefira um empréstimo pessoal.

Você pode simular empréstimo pessoal no Simulador de Parcelas de Empréstimos e Financiamentos do Bom Pra Crédito e saber quanto pagará em cada parcela. Assim você organizar seu bolso!

Simulador de Parcelas de Empréstimos e Financiamentos

5) Controle os gastos

O controle de gastos é fundamental para conquistar a sua independência financeira mais rápido.

Para ter mais tranquilidade e alcançar seus objetivos financeiros, você precisa se gasta mais do que ganha e se as escolhas são as mais adequadas para o seu bolso.

Para ficar mais fácil, anote as suas receitas (salário e extras) e despesas (contas e demais gastos) em um caderno ou planilha de gastos.

Faça uma autoavaliação dos seus gastos, e considere repensar escolhas se notar que está gastando mais do que deveria.

Não se esqueça de considerar até mesmo os gastos que parecem invisíveis, como um lanchinho.

6) Reduza as despesas

Além de controlar os gastos, para ter uma boa saúde financeira você precisa fazer escolhas mais econômicas e reduzir as despesas.

Por exemplo, se você reduzir a conta de luz em R$ 5,00 por mês, economizará R$ 60,00 em 12 meses apenas com energia. 

Se você costuma ir ao mercado antes das refeições, fica mais difícil resistir às tentações nas prateleiras.

São atitudes como essas que devem ser consideradas para reduzir as despesas e possíveis desperdícios.

Faça escolhas conscientes para economizar dinheiro e tempo. O consumo consciente também não só contribui para o seu bolso, como também para o planeta.

Veja posts que com dicas de economia que selecionamos para você cuidar do seu bolso:

» 11 dicas para economizar no seguro de carro

» 100 dicas pra você economizar dinheiro

» Economize no material escolar

7) Guarde uma reserva de segurança

Para ter independência financeira, este talvez seja o passo mais importante para você.

Vamos lá: você negociou suas dívidas e está pagando suas contas em dia, e agora, precisa se precaver.

A reserva de emergência é necessário para você ter mais tranquilidade no futuro e não ficar endividado.

Especialistas em economia recomendam que você guarde, no mínimo, o valor que equivale a seis vezes a sua renda mensal, ou seja, uma reserva financeira que mantenha as suas contas em dia por um período de seis meses.

Mas se você precisar de dinheiro, conte com o Bom Pra Crédito para não passar sufoco.

Solicite seu empréstimo pessoal

8) Faça planos de curto, médio e longo prazo

Faça planos de curto (em menos de 1 ano), médio (em até 5 anos) e longo prazo (mais de 5 anos).

Para realizar as suas metas, crie objetivos financeiros, como investimentos, de acordo com o seu orçamento.

Por exemplo, se você tem desejo de comprar ou trocar de carro em 1 ano, quanto por mês precisará economizar para comprá-lo?

O planejamento financeiro é um passo indispensável para você alcançar a sua independência financeira e transformar os seus sonhos em realidade.

Com propósitos bem definidos e disciplina para alcançá-los, você só tem a ganhar.

» Aprenda mais sobre planejamento financeiro: 7 erros de planejamento financeiro que te deixam no vermelho

9) Escolha o crédito mais barato

Você já viu, lá em cima, que existem alternativas ao cartão de crédito e cheque especial para ter dinheiro.

Escolher o crédito mais barato, seja para o pagamento de dívidas ou para realizar os seus sonhos, é indispensável para a sua independência financeira.

Aqui no Bom Pra Crédito, você tem mais chances de encontrar o crédito mais barato, porque consultamos todos nossos parceiros ao mesmo tempo.

Aqui, é mais fácil você comparar empréstimos e encontrar o crédito mais adequado para o seu perfil. E o melhor: o Bom Pra Crédito é gratuito e seguro. Você também pode usar o nosso simulador de empréstimo. Aproveite!