Blog > Aprenda a controlar as contas a pagar
Empréstimo Pessoal - todas as financeiras num só lugar

Aprenda a controlar as contas a pagar

Aprenda a controlar as contas a pagar

Para manter o controle das finanças pessoais, organizar os pagamentos das contas é indispensável, principalmente para evitar o atraso. Se você costuma pagar as suas contas como uma “surpresa” na hora em que elas chegam, está na hora de repensar essa atitude.

Quanto antes você se programar para pagar as suas contas, menos chances você tem de enfrentar um descontrole financeiro. A seguir, confira as dicas para controlar as contas a pagar e manter seu orçamento em dia:

 

Escolha o vencimento ideal das suas contas a pagar

Qual a melhor data de vencimento para o pagamento de contas? Para não correr o risco de não ter dinheiro para pagar as contas, escolha uma data próxima ao dia do seu pagamento.

Assim, quando o salário cair na conta, você já poderá destinar rapidamente o dinheiro para o pagamento das contas. Agora, para quem é autônomo, a escolha do vencimento deve ser feita com cautela.

O ideal é que você tenha sempre uma reserva para não correr o risco de não ficar sem pagar as contas.

 

Planeje os pagamentos com antecedência

Planejar as contas a pagar pode facilitar a sua vida na hora de controlar os seus débitos. Além de escolher a melhor data de vencimento para pagar as dívidas, você precisa saber com antecedência se terá dinheiro suficiente para não passar sufoco.

Por isso, antecipe-se: controle suas despesas e receitas em uma planilha de gastos. Se possível, planeje-se para pagar as contas do mês atual com o último salário recebido, ou seja, não espere o próximo.

 

Se o dinheiro faltar, uma opção é um crédito pessoal.

SOLICITE SEU EMPRÉSTIMO

Sem custo e sem compromisso!

 

Crie alertas para não esquecer os pagamentos

Quando o assunto é pagamentos de contas, “contar” apenas com a memória pode ser muito arriscado. Na correria do dia a dia, você pode se esquecer de pagar uma conta e ser lembrado quando chegar uma nova cobrança.

Para evitar esquecimentos, crie alertas no seu celular de todos os vencimentos usando o calendário. Você também pode programar os pagamentos na sua conta corrente, escolhendo a data em que os débitos deverão ser efetuados. Não tem erro!

 

Evite pagar as contas com cartão de crédito

Pagar as contas com cartão de crédito é uma boa alternativa? Bom, para quem não abre a mão da economia, o pagamento de contas com cartão de crédito não é a melhor opção.

O serviço não é gratuito e, por cada conta paga, a taxa cobrada varia de R$ 7,50 a R$ 24,50 (valores vigentes na tabela de tarifas em abril de 2018).

Portanto, se você costuma pagar as contas com o cartão de crédito, solicitar um empréstimo pessoal pode ser a solução para organizar o seu orçamento.

 

Esteja preparado para imprevistos

Planejamento é a palavra de sucesso para não passar perrengue. Por mais que você consiga quitar as contas a pagar sem esquecimentos ou atrasos, reservar dinheiro para possíveis emergências pode solucionar um problema futuro.

Não pense duas vezes: guarde uma determinada quantia e deixe o dinheiro reservado para imprevistos. Assim, não há necessidade de se desesperar quando precisar de mais dinheiro. Comece com uma pequena quantia e vá aumentando.

 

Não use cheque especial para pagar contas

O limite do cheque especial disponível na conta corrente é um tipo de empréstimo que pode sair muito caro para o seu bolso.

Quem recorre ao cheque especial para pagar contas está próximo de entrar em um círculo vicioso, ou seja, corre o risco de nunca mais recuperar o saldo positivo no banco e ficar pagando juros. O melhor a ser feito é buscar alternativas ao cheque especial, como um empréstimo pessoal.

SOLICITE SEU EMPRÉSTIMO

Todas as opções de crédito num só lugar.

 

Acompanhe o débito automático

Cadastrar o pagamento de contas no débito automático é uma opção simples para evitar esquecimentos. Porém, o fato de ser automático não significa que não deve ser acompanhado.

Fique atento aos vencimentos e aos débitos na sua conta corrente, principalmente se a conta cadastrada costuma não ter um valor fixo, como as contas de energia, água e telefone.

Geralmente, os débitos que serão feitos aparecem em “pagamentos futuros”. Fique de olho!

 

Evite parcelamentos e crediários

Parcelamentos e crediários significam compromissos mensais. Por esse motivo, a não ser que você tenha uma boa reserva financeira, evite compras parceladas.

Prefira se programar para comprar à vista, mesmo que você tenha que esperar para consumir o que deseja. Se você já está enfrentando esse problema (várias contas e parcelamentos), escolha um empréstimo pessoal para quitar as suas dívidas.

É mais fácil lidar com um único compromisso, com parcelas ideais para o seu bolso. 😉

SOLICITE SEU EMPRÉSTIMO

Taxas justas e parcelas que cabem no seu bolso!

 

Gostou das dicas para controlar as contas? Então compartilhe este post nas suas redes sociais e ajude os seus amigos a dominarem o assunto! 😉

 

Aproveite para ler também:

» Como conseguir dinheiro para pagar dívidas?

» Aprenda a consultar o saldo da Nota Fiscal Paulista e mais!

» Guia do PIS e Pasep: aprenda a consultar o saldo e mais!

» Saiba consultar e atualizar a situação cadastral do CPF

 

By | 2018-05-02T10:33:52-03:00 2 de maio de 2018|